PMNAS

MS deve produzir 26 milhões de toneladas de grãos em 2024, segundo IBGE

Estado é o quinto maior produtor nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas

Por Midia NAS em 08/02/2024 às 15:08:57

Mato Grosso do Sul atingiu recorde na produção de grãos em 2023, com 28,4 milhões de toneladas. No entanto, para 2024, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) prevê 26,72 milhões de toneladas na produção estadual de , número que representa uma queda de 6,7% em relação ao ano passado. A estimativa se manteve em relação ao 3º prognóstico do LSPA (Levantamento Sistemático da Produção Agrícola), divulgado em 10 de janeiro.

Os dados do LSPA desta quinta-feira (8), mostram que a previsão sul-mato-grossense de grãos representa 8,8% da estimativa nacional, que é de 303,4 milhões de toneladas. A diminuição na produção do Estado segue na mesma tendência do prognóstico da safra brasileira, que deve cair 3,8% frente a 2023, quando o país produziu 315,4 milhões de toneladas.  é o quinto maior produtor de grãos do país, atrás apenas do Mato Grosso, Paraná,  e Goiás.

Algodão deve ter produção recorde

A previsão do IBGE indicou que o algodão será o único produto a apresentar recorde de produção. Estimada em 8,2 milhões de toneladas, o herbáceo teve um acréscimo de 9,4% em relação ao terceiro prognóstico, e em relação a 2023, as primeiras estimativas apontam para um aumento de 5,8% na produção, em razão da previsão de uma maior área plantada (8,5%). Mato Grosso do Sul é o terceiro do país na produção nacional de algodão.

Comunicar erro
Camara Municipal de NAS

Comentários

Ju Modas 2