PMNAS

Ferrari roubada de ex-piloto é encontrada em Londres após quase 30 anos

Uma Ferrari F512M roubada do ex-piloto austríaco Gerhard Berger durante o Grande Prêmio de San Marino de Fórmula 1, em 1995, foi encontrada quase 30 anos depois em Londres, anunciou a polícia britânica nesta segunda-feira (4).

Por Midia NAS em 04/03/2024 às 20:00:44
Foto: Reprodução internet

Foto: Reprodução internet

Uma Ferrari F512M roubada do ex-piloto austríaco Gerhard Berger durante o Grande Prêmio de San Marino de Fórmula 1, em 1995, foi encontrada quase 30 anos depois em Londres, anunciou a polícia britânica nesta segunda-feira (4). Em abril de 1995, os carros de luxo de Berger e de seu companheiro de equipe da época, o francês Jean Alesi, foram roubados na cidade italiana de Ímola, onde estava sendo disputado a corrida. Desde então, não houve nenhuma pista da Ferrari de cor vermelha, que tem um valor aproximado de 350.000 libras (cerca de R$ 2,1 milhões). Em janeiro, a marca italiana entrou em contato com a polícia londrina após ter descoberto que uma Ferrari vendida em 2023 era, na verdade, um carro roubado. Investigadores britânicos de uma unidade especializada em roubo de veículos tentaram traçar o caminho seguido pelo automóvel desde o roubo.

O carro chegou ao Reino Unido no final do ano passado e foi adquirido por um americano recentemente. Após trabalhar em colaboração com os investigadores e concessionárias de automóveis do exterior, a polícia britânica concluiu que se trata do carro que foi roubado de Gerhard Berger há 29 anos e que foi enviado pouco depois ao Japão. A Ferrari vermelha ainda se encontra em solo britânico, e a polícia conseguiu interceptá-la antes de seu envio para os Estados Unidos. A investigação segue seu curso, porém ainda não houve prisões.

Publicada por Felipe Cerqueira

*Reportagem produzida com auxílio de IA

Comunicar erro
Camara Municipal de NAS

Comentários

Ju Modas 2