PMNAS

Quem é a joia do Fluminense que o México quer tirar da seleção brasileira

(UOL/FOLHAPRESS) - A seleção do México quer levar para si, definitivamente, uma joia da base do Fluminense.

Por Midia NAS em 13/02/2024 às 12:44:56

Matheus Reis nasceu na Cidade do México em 2007 e tem dupla nacionalidade. Ele é filho de Elias, ex-meio-campista que jogou no Necaxa, Delfines e no Pumas entre 2004 e 2008.

Matheus está no radar da base da CBF e participou da campanha do título do Brasil no Sul-Americano Sub-17 de 2023. Mas não foi ao Mundial da categoria.

Ser um ano mais novo que a maioria pesou um pouco na concorrência para o Mundial. A geração sub-17 no ano passado era para jogadores nascidos em 2006.

O fato de estar na convocação do México no momento não quer dizer que Matheus Reis tenha aberto mão da seleção brasileira. Pela regra da Fifa, ele tem até os 18 anos para escolher qual equipe nacional vai representar.

A aproximação dos mexicanos a Matheus ficou concreta depois da Copa São Paulo deste ano, segundo o UOL apurou. O atacante atuou em três dos quatro jogos do Fluminense. A campanha acabou com derrota na segunda fase, diante do Ituano.

O diretor da seleção de base do México perguntou ao estafe do jogador se havia interesse em conhecer o projeto e a estrutura lá. A resposta foi positiva.

Além dos treinos, a seleção sub-18 do México faz um amistoso nesta quarta-feira (14) contra o Toluca. Pode ser que Matheus jogue.

O jogador do Fluminense já vinha estudando inglês e espanhol, o que ajuda a quebrar o gelo no primeiro contato com a seleção mexicana.

"É uma sensação inexplicável ser convocado pela primeira vez para a seleção mexicana. Estou muito feliz com a oportunidade de conhecer novos ares e aprender muito sobre uma nova cultura. Espero fazer grandes treinos, jogar bem no amistoso e ser feliz enquanto estiver lá, vivendo essa experiência", afirma Matheus, ao site do Fluminense.

SITUAÇÃO NO FLUMINENSE

O contrato de Matheus Reis com o Fluminense foi renovado no ano passado e vai até o fim de março de 2028. Ele já fez partidas pelo time sub-20.

A multa rescisória segue o padrão para proteção contra a saída de jovens talentosos da base: 50 milhões de euros. Os clubes, no entanto, costumam aceitar menos quando há uma negociação de verdade.

Matheus é agenciado pela Energy Sports, empresa que representa nomes como Gabriel Jesus, Lucas Veríssimo e Róger Guedes. Elias, pai do jogador, participa da gestão da carreira do rapaz.

Leia Também: Alonso: "Sou o único campeão disponível em 2025. A minha posição é única"

Tags:   Esporte
Comunicar erro
Camara Municipal de NAS

Comentários

Ju Modas 2