PMNAS

Momento hist√≥rico, diz ministra sobre in√≠cio da vacinação de crianças

Ao comentar o in√≠cio da vacinação contra a dengue em crianças de 10 e 11 anos no Distrito Federal, a ministra da Sa√ļde, N√≠sia Trindade, avaliou o momento como hist√≥rico.

Por Midia NAS em 09/02/2024 às 15:40:45

Ao comentar o in√≠cio da vacinação contra a dengue em crianças de 10 e 11 anos no Distrito Federal, a ministra da Sa√ļde, N√≠sia Trindade, avaliou o momento como hist√≥rico. "H√° 40 anos, se espera uma vacina para a dengue. Tentamos trabalhar, j√° havia vacina desenvolvida, mas não tão bem sucedida. Agora, temos uma vacina incorporada ao SUS [Sistema √önico de Sa√ļde]."

"Mesmo sem epidemia, n√≥s começar√≠amos essa vacinação porque a dengue √© um problema de sa√ļde p√ļblica h√° muito tempo. Neste momento, √© muito importante falar dessa conquista que √© termos uma vacina", reforçou N√≠sia.

Segundo a ministra, a pasta trabalha em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e outros laborat√≥rios nacionais para ampliar a produção da vacina, atualmente fabricada pelo laborat√≥rio japon√™s Takeda. "Vamos apoiar tamb√©m a vacina do Instituto Butantan, que ainda não foi submetida à Anvisa [Ag√™ncia Nacional de Vigil√Ęncia Sanit√°ria]."

"Falei, inclusive, para todas as crianças: 'voc√™s, nas escolas, nos ajudem na campanha de combate aos focos do mosquito [Aedes aegypti] . Tamb√©m vamos estar atentos aos sinais da doença, para não nos automedicarmos, cuidarmos da hidratação. Estas são as mensagens mais importantes neste momento", afirmou N√≠sia.

"Como eu disse, a gente começaria a vacinação mesmo sem surto epid√™mico porque finalmente temos uma vacina vista como eficaz, segura. A gente est√° contribuindo tamb√©m, no Brasil, com estudos que estão sendo feitos para avaliar a dose para outras faixas et√°rias. √Č um trabalho que envolve muitas frentes", completou.

Comunicar erro
Camara Municipal de NAS

Coment√°rios

Ju Modas 2